Livro ‘A invenção de Paris’ é um passeio ilustrado pela história da cidade

Postado por Modesto Neto às 20:48



Vielas, luzes, arte, barricadas, revoluções. No imaginário Popular, é assim que Paris se apresenta: como um espaço romântico e poético, mas ao mesmo tempo bélico, intelectual e onírico; uma cidade em que tudo pode acontecer e em que, em certa medida, tudo já aconteceu.

É justamente desta maneira que o historiador francês (e parisiense) Eric Hazan constrói a cidade no livro A invenção de Paris (Estação Liberdade), um imenso guia histórico e ilustrado que, com sua pompa e sua beleza, consegue mesmo traduzir o clima e da capital francesa.  

Lançado em outubro, A invenção de Paris conta a história de Paris de forma extremamente detalhada, dividindo-a em três partes: a “Antiga Paris e Nova Paris”, uma longa e aprofundada anatomia dos bairros parisienses; a “Paris Vermelha”, que revela a vocação revolucionária de Paris, relembrando suas maiores revoltas, rebeliões e revoluções; e, finalmente, “Atravessando o quadro fervilhante de Paris…”, que recupera a Paris romântica, fervilhante, dos primeiros passos da fotografia; a Paris repleta de artes e de poesia – e elege seus moradores mais ilustres: Victor Hugo, Charles Baudelaire, Edgar Degas, Robert Doisneau e muitos outros.

A invenção de Paris acaba sendo uma biografia afetiva e não oficial da cidade, que, ao reunir também suas histórias mais secretas, dá ao leitor a sensação de caminhar, como um flanêur, pelas ruas iluminadas de Paris.

O trabalho é fruto de um verdadeiro aficionado pela cidade. Nascido em 1936, Hazan só morou fora da capital uma vez na vida, enquanto trabalhava como pediatra em campos de refugiados na Palestina. De volta à França, assumiu o negócio dos pais, a casa editorial Hazan – e, desde então, dedicou-se a descobrir e narrar os segredos por baixo de cada paralelepípedo da cidade.

Além de A invenção de Paris, o historiador é autor de uma dezena de livros sobre a capital francesa, entre eles Chronique de la guerre civile (2004) e Changement de propriétaire – la guerre civile continue (2007) – além de Uma história da revolução francesa (2012), que deve ser lançado em português em 2018 pela própria Estação Liberdade.

A invenção de Paris – a cada passo uma descoberta
Eric Hazan
Estação Liberdade
448 páginas
R$ 145
Categorias: