PMDB e PSDB se unem por medidas de austeridade econômica

Postado por Modesto Neto às 19:22

A Folha S. Paulo noticiou que o presidente Michel Temer almoçou nesta quarta (12) com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso para discutir medidas para “diminuição da dívida pública e recuperação da economia”. O ministro do STF Gilmar Mendes também participou do encontro. 

O almoço ocorreu no Palácio Jaburu. FHC elogiou a aprovação da PEC-241 que limita os gastos públicos e passou em primeiro turno na Câmara dos Deputados. Para Fernando Henrique “o mercado financeiro reagiu bem”. 

Segundo relatos colhidos pela Folha S. Paulo, FHC acredita que o PSDB se empenhará também no Senado Federal para aprovar a proposta (PEC-241). Na Câmara dos Deputados, os tucanos votaram em peso a favor da medida.

O encontro entre Temer e FHC é a sinalização que a coalizão entre PSDB e PMDB estará afinada no parlamentos brasileiro para aprovar o pacote de medidas propostas pelo Governo Federal. Ambos os partidos devém votar juntos na Câmara e no Senado as medidas de austeridade econômica que resultarão invariavelmente em retirada de direitos sociais.

A presença de Gilmar Mendes na reunião entre Temer e FHC é o dado concreto que o Judiciário brasileiro será conivente com as propostas do Governo Federal, dando-lhe anuência e suporte aos ataques que os trabalhadores enfrentarão nos próximos anos. 

O movimento social brasileiro, em especial a juventude secundarista, tem respondido aos ataques com grandes mobilizações. No Brasil já se contabiliza mais de duzentas escolas ocupadas contra a Reforma no Ensino Médio e a PEC-241. Leia mais sobre as ocupações da juventude na matéria “Mais de 200 escolas ocupadas pelo país, a juventude mostra sua disposição de luta e resistência” no Esquerda Diário.

Categorias: