Candidatos à prefeito em Angicos terão teto de R$ 250 mil para gastos eleitorais

Postado por Modesto Neto às 20:55

Entre as eleições municipais de 2012 e 2016 muitas regras eleitorais mudaram. A última reforma eleitoral mexeu nos mecanismos sobre gastos eleitorais, agora as empresas estão impedidas de doar diretamente para os candidatos e os tetos de gastos eleitorais que antes eram estipulados pelos próprios partidos, são fixados pela Justiça Eleitoral com base nos dados contábeis do último pleito.

Em 2012, no confronto direto entre os dois principais candidatos dos partidos conservadores, quem gastou menos venceu. No pleito Júnior Batista do DEM derrotou Clemenceau Alves do PMDB por uma diferença de quase 1 mil votos. Vale lembrar que os votos do candidato do PMDB foram impugnados por força da Lei da Ficha Limpa. 

O candidato do Democratas gastou mais de R$ 127 mil e contou com doações de algumas empresas como a GTA Construção LTDA. O ex-prefeito Clemenceau gastou muito mais e contou com repasses vultosos da Direção Regional do PMDB. No dia 3 de setembro o PMDB-RN repassou (Documento Nº. 850072 – Número do Recibo Eleitoral: 0001516152RN000008) R$ 125 mil, apenas de uma tacada. Ao todo o candidato derrotado torrou exatos R$ 358.360,00. O terceiro lugar, o candidato do PT, Edinaldo Nunes, gastou uma quantia módica: R$ 22 mil.

De acordo com a nova regra eleitoral os candidatos à Prefeitura Municipal de Angicos (RN) só poderão gastar 70% do maior gasto de 2016. Neste caso o teto de gastos eleitorais em 2016 será de R$ 250 mil. O mesmo mecanismo se aplica aos candidatos a vereadores que poderão torar até R$ 17.300,00. Os dados estão disponíveis na Resolução Nº 23.459, de 15 de Dezembro de 2015, e, no Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE) da Justiça Eleitoral. 

Nenhum dos que foram candidatos a prefeito nas eleições majoritários de 2012, disputarão o pleito de 2016. Clemenceau Alves do PMDB, Júnior Batista do DEM e Edinaldo Nunes (hoje no PTB) não disputarão as eleições municipais de 2016 por razões várias.

Categorias: