PSOL aciona MP contra poluição do Rio Pataxó em Angicos

Postado por Modesto Neto às 23:48

O desastre natural que levou a morte do Rio Doce em Mariana (MG) colocou em evidência nacional a problemática ambiental no Brasil. O episódio na cidade mineira não é um caso isolado, os atos contra os ecossistemas ocorrem em todo o país corriqueiramente e precisam ser denunciados para garantir que a natureza não continue sendo diariamente destruída.

Na manhã desta segunda-feira (24), em Angicos (RN), o militante do PSOL Severino Costa, fez uma visita no intuito de vistoriar as duas lagoas de captação de dejetos do bairro Alto da Alegria, único bairro saneado da cidade. Essa não foi a primeira visita ao local, Costa esteve várias vezes no lugar e constatou que a água com dejetos está sendo despejada nas margens do Rio Pataxó.

A poluição do Rio Pataxó é um grave problema e pode significar crime ambiental. Mas, esse não é o único problema. Os moradores do bairro Alto da Alegria, em especial da avenida de acesso a UFERSA, reclamam constantemente da fedentina que pode ser sentida a distância. Um caprino em decomposição foi encontrado no local e se este não morreu por falta de água e pasto, pode ter sido vítima de alguma bactéria em virtude da água contaminada.



Severino Costa protocolou ofício no Ministério Público, na Comarca de Angicos, pedindo investigação do órgão e as providências cabíveis para cessar a poluição do Rio Pataxó. O IDEMA deverá ser acionado nos próximos dias. Segundo informações colhidas no escritório local da CAERN, as lagoas de captação não foram repassadas ao órgão e são de responsabilidade do Poder Público municipal.


Categorias: