PT convoca seus militantes para ‘pequenos atos’

Postado por Modesto Neto às 02:10
O presidente do PT, Rui Falcão, veiculou um vídeo na internet nesta quinta-feira. Na peça, ele convida “militantes e amigos” do PT para mobilizações de rua no dia 31 de março. Na linguagem adolescente utilizada pelo companheiro, será “um grande agito”. Nas palavras do Falcão original, serão “pequenos atos”.

“Vamos nos mobilizar em todas as cidades”, declarou o dirigente petista. “Fazer pequenos atos, plenárias, panfletagens. PT na rua em defesa da democracia, da Petrobras, dos direitos dos trabalhadores, contra a corrupção, reforma política.”

A data escolhida evoca o golpe militar de 1964. Coisa proposital, a julgar pelo modo como Falcão encerra o seu chamamento. “Vamos nessa”, ele diz, numa segunda recaída adolescente. “Democracia sempre mais, ditadura nunca mais!”

Na previsão do presidente do PT, a maior concentração de pessoas ocorrerá em São Paulo. Será na quadra do Sindicato dos Bancários, mais fácil de encher do que a Avenida Paulista, palco tradicional de manifestações.

O PT pega carona numa convocação alheia. Um grupo de entidades sindicais e sociais vinculadas ao petismo —à frente CUT, MST e UNE— marcou para o mesmo dia 31 de março “plenárias em todo o Brasil”. Trata-se daquele mesmo grupo que liderou as manifestações pró-Dilma Rousseff em 13 de março —largamente suplantadas dois dias depois, em 15 de março, pelos protestos anti-Dilma.

Embora ninguém admita, “pequenos atos” do PT destinam-se a fixar um contraponto com novas manifestações contra o governo Dilma, já marcadas para 12 de abril. As comparações numéricas entre os protestos “chapa quente” e os eventos chapa banca podem resultar em novo constrangimento para o governo.


Fonte: Folha S. Paulo – Josias de Sousa 
Categorias: